sábado, 12 de agosto de 2017

Gira Mundo - Brasil - Ipanema - RJ


Ipanema é um bairro nobre da cidade brasileira do Rio de Janeiro, fundado em 1894 por José Antônio Moreira, conde de Ipanema. Faz divisa com os bairros de Copacabana, Leblon e Lagoa

O nome tupi Ipanema admite duas interpretações semânticas:

"água ruim, rio sem peixes", através da junção dos termos 'y ("água") e panema ("imprestável").

"lagoa fedorenta", através da junção dos termos upaba ("lago") e nem ("fedorento").

O nome faz referência a uma região do atual município de Iperó, no estado brasileiro de São Paulo, onde José Antônio Moreira Filho (1830-1899), feito segundo Barão de Ipanema em 1847 (e conde em 1868), tinha uma metalúrgica.

Essa metalúrgica, chamada Real Fábrica de Ferro São João do Ipanema, se localizava aos pés do Morro de Ipanema e havia sido fundada por seu pai, o primeiro Barão de Ipanema. José Antônio Moreira Filho investiu seu capital na região atualmente ocupada pelo bairro de Ipanema, fundando a Villa Ipanema. Com esse nome, homenageava o seu local de nascimento, a vila de São João de Ipanema, hoje pertencente ao município de Iperó.

História

O desenvolvimento da Zona Sul foi forçado pela chegada da corte portuguesa no século XIX, quando a população da cidade passou de 60 000 para 500 000 habitantes. A corte preferiu seguir rumo norte, em direção à Floresta da Tijuca, enquanto que o corpo diplomático e os ingleses preferiram a Zona Sul, onde só havia vilas de pescadores.

O loteamento de Ipanema começou após a fundação da Villa Ipanema em 1894 pelo Conde de Ipanema. Apesar de Ipanema ter-se desenvolvido antes que o Leblon, as terras de Ipanema também pertenceram ao francês Carlos Leblon, que as vendeu a Francisco José Fialho, que, por sua vez, as vendeu ao Conde de Ipanema em 1878.

Interessado no loteamento da região, o Conde de Ipanema configurou as praças Marechal Floriano Peixoto (atual Praça General Osório) e Coronel Valadares (atual Nossa Senhora da Paz), abriu a Avenida Vieira Souto, as ruas Alberto de Campos, Farme de Amoedo, Prudente de Morais, Nascimento Silva, Montenegro (atual Vinícius de Moraes), 20 de Novembro (Avenida Visconde de Pirajá), 4 de Dezembro (hoje Teixeira de Melo), 16 de Novembro (Jangadeiros), 28 de Agosto (Barão da Torre), entre outras.


O período de maior adensamento do bairro se deu a partir da década de 1960, quando houve o avanço da especulação imobiliária sobre o bairro, substituindo-se casas por edifícios.

Os preços dos imóveis dispararam e Ipanema passa a ser um dos bairros mais caros do Rio de Janeiro. Sinônimo de vanguarda, nos anos 1960 e 1970, Ipanema foi palco do tropicalismo, da bossa nova, do Pasquim, do Teatro de Ipanema, da tanga e do topless.



maria tereza cichelli

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...